quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Aos: corintios, efésios, Elsinhos, mogianos, músicos, cantores, paulistas, cariocas, palmeirenses, seres ultradimensionais, ETs e etc...

Passo agora a mostrar o que é um som ainda mais excelente...

Ainda que eu tocasse todos os instrumentos e cantasse afinadamente a ponto de chamar atenção dos anjos e sereias: sem amor, eu seria como um violão sem cordas, um piano sem teclas, um violino sem queixeira e sem arco, eu seria como um saxofone desafinado; um acordeom sem ar.

Ainda que eu tenha o dom de tocar como nenhum outro antes, conheça todas as escalas e seja capaz de alcançar todos os graves e agudos de uma canção; ainda que eu tenha um instrumento capaz de emocionar, sem amor eu nada serei.

Mesmo que eu fique rico com meu talento e distribua, dinheiro, instrumentos e aulas grátis para todos os pobres, se eu não der: conhecimento, cultura e amor, nada disso me valerá.
O som, não se vangloria, não se orgulha, não maltrata, não tem interesses, não desafina facilmente.

O músico é o poeta do instrumento, o oleiro do barro o que dá vida ao instrumento, mas é instrumento do instrumento, e havendo a arrogância, a vangloria e a auto-suficiência a música não transformará o mundo na sua essência

O músico estuda, aprende, aperfeiçoa, se culturaliza/desculturaliza, não faz acepção de ritmo, antes, procura em cada canção poesia e amor: compartilha, ensina, aprende.

A música nunca acabará, mas havendo as modinhas gospel, as músicas erotizadas e bandinhas sem mensagem alguma em suas canções, o conhecimento passará.

Assim permanecem agora estes três: o instrumento a dedicação e o amor. O amor deles, porém ainda  é o maior.



em resposta a pergunta do meu filho: 
Pra que da música, se não tocar e cantar o Amor? (Quinho Trindade)

4 comentários:

Alda Affonso disse...

QUE LINDO MINHA AMIGA LINDA...PARABÉNS VC ARRASOU VIU?
BJINHOS!!!!!

***Adriana Rocha*** disse...

Obrigada amiga linda! Luluzinha linda te adoro! Caramba...

Non Nattus Júnior disse...

As criticas ao estilo de louvar, do dito mundo gospel , nos dias atuais , tem sido constante.Mas ao ler seu ponto de vista, sempre vemos as mesmas críticas por um novo prisma.Um texto suave que desnuda com mais clareza o real sentido do louvor atual : "...mas havendo modinha gospel, as músicas erotizadas e bandinhas sem mensagem alguma em suas canções "
É maravilhoso voltar aqui. A ausência de seus textos fazem enorme falta.
Deus te abençõe!

***Adriana Rocha*** disse...

Sempre muito gentil! Non Nattus, como todos sabem sou filha de músico, cresci ouvindo Gonzaguinha, Luiz Gonzaga, Elis, Caetano e outros, meu filho toca desde 4 anos de idade, a música sempre fez parte da minha história, sempre presente na minha casa. Realmente acho ruim a poesia da gospellandia, mas tem música ruim em todo canto, assim como a uns menos piores, mas tocar é tocar adorar é outra coisa. Nem te conto, estou trabalhando em muitos projetos por isso tenho postado pouco, estou organizando minha agenda para que eu poste duas vezes na semana pelo menos, obrigada pela visita e pelo comentário carinhoso, um abraço meu amigo.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons