sábado, 30 de abril de 2011

O que é esse tal, "livre arbítrio"?





Quando eu me achava “livre”, tomava minhas decisões, e achava que realmente era livre, ninguém se mete na minha vida, ninguém mete o bedelho e pensava coisas desse tipo.
Compensação passei parte da minha vida, justificando meus fracassos e assim passei minha vida, justificando meu cair. Toda minha tristeza era facilmente justificável
Tinha total liberdade para errar, e o fazia com freqüência, com a mesma freqüência eu fazia o que me dava na telha, e isso me fazia cair freqüentemente.
De repente, meu barquinho estava no oceano em meio a um temporal, e agora? Ainda tenho o meu livre arbítrio, o que fazer com ele nessa situação, nem sei se isso se come?
Crer ou não crer, eis a questão, viver ou morrer, olha ai para que serve meu livre arbítrio.

Em meio ao temporal Jesus entrou no barco, pude então entender que nunca fui livre, e ainda entendi mais! Nunca serei.
Sempre fui escrava!
Escrava das minhas vontades, do meu jeito de ser, das minhas facções, escrava dos meus destemperes, das minhas angústias e depressões, e tudo sempre muito bem justificado, eu era escrava do meu jeito de ser.
Como eu era escrava Senhor! Faça-me livre em nome de Jesus eu orava... Chorava...
E Ele me fez verdadeiramente livre.
Isto é, em partes. 
Mas, esse tal de “livre arbítrio me prende”, o que fazer agora com minha liberdade, se toda essa liberdade me limita a adoração, a obediência aos mandamentos e estatutos da sua Palavra?
 “Ama teu Deus e ao teu próximo” me disse  o Senhor Jesus, agora eu quem pergunto:
- Se meu próximo for um inimigo, posso usar o meu livre arbítrio para amá-lo, ou não?
-Não!  Eu mandei você amar teu próximo, Ele me responde.

E mais um monte de nãos, me passa na cara, e ainda me da à liberdade de escolha.
Não ame seus desejos.
Não realize sua vontade.
Abra mão disso.
Abra mão daquilo e daquilo outro também.

Vem aqui.
Vai ali.
Fique acolá.
Não se comporte assim.
Não fale assim.
Não aja assim.
Não vire ali.
Não olhe ali.
Nem pense nisso! 

Ufa...
E ainda tem mais...

Não desanimes. Não temas. 
Esforça-te, tem bom animo. 
Eu sou contigo!
Te amo, dei Meu filho pra morrer por você.

Essa é a parte que nos faz capaz de suportar esse tal de “livre arbítrio” e receber de forma agradável tantos nãos, agora é só escolher, crer ou não crer, amar ou não amar, tem todo direito de não aceitar.
Sinta-se livre pra fazer as coisas direito: “isso se implica em fazer a Minha vontade, não é livre para bater na face do teu próximo, mas és livre pra decidir se dá ou não a outra face. Sinta-se livre para buscar-Me, use de sua liberdade para isso! Ouço Deus me dizer.

Sinta-se livre pra honrar ao Deus que tudo pode, livre para amar Jesus e adorá-lo pelo ato consumado na cruz, use de seu livre arbítrio para obedecer à voz do Meu Santo Espírito opine por andar cativo, grudado dependente da presença Dele. Não invente novas receitas, uma antiga receita é eficaz, OBEDEÇA, quanto ao teu livre arbítrio? use-o

Escolha ser completamente cativo aos desejos do Senhor.




14 comentários:

Clenio Daniel disse...

Olá Adriana Rocha a paz do Senhor. Verifiquei seu blog e quero lhe dizer que está de parabens pelas postagens! Deus te abençoe grandiosamente. Quero aproveitar para lhe pedir que visite o meu também:
www.clenio-mendes.blogspot.com
Terei o prazer em receber seus comentários e se desejar seguí-lo ficarei honrado. Fique na paz do Senhor Jesus.

Amarildo Rocha disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
BETO ALEXANDRE disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Roberto disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Cláudio Nunes Horácio disse...

Meu bem: Não sei bem o que acredito sobre o livre arbítrio, visto que venho de uma educação teológica lonnnnnga calvinista e para os calvinistas, livre arbítrio não existe, só Adão e Eva tiveram. Eles chamam a liberdade de escolha dos Homens de livre agência e muito diferente de livre arbítrio. Beijo.

***Adriana Rocha*** disse...

Acha que Deus não sabia qual seria a escolha de Eva amor?

Missionária Bella Dourado disse...

Adriana você foi muito feliz no texto.
Lindo; impactnte , triste.
Quero te dizer que o que eu entendo de livre arbítrio significa que somos livres para fazer tudo - como Paulo nos advertiu "Tudo nos é lícito porém nem tudo nos convêm"

Você é livre, que continue e Jesus conhece o seu coração; ninguém pode dizer , apontar se seu modo de adorar e certo ou errado.

Ame , adore, viva, clame, dance, seja feliz.

Você escreveu tão bonito, algo ao natural - percebe-se e ainda show no portuga, rs,rs .

Deus nos abençõe e nos livre dos castradores de adoração.
Com carinho,

Bella Dourado

***Adriana Rocha*** disse...

Feliz pela visita Bella, volte sempre que quiser.

Cláudio Nunes Horácio disse...

Amor, a escolha dela não tem nada a ver com a presciência de Deus, ela era totalmente livre para escolher, ela tinha livre arbítrio, pois não era um ser caído. bj

***Adriana Rocha*** disse...

Sim amor, ela escolheu desobedecer...

Non Nattus Júnior disse...

Olá co herdeira de Cristo, Adriana.
Será que temos liberdade para escolher aquilo,que não seja a satisfação da nossa natureza carnal ? Como diz o apóstolo Paulo." O mal que não quero, faço.Mas o bem que quero,não faço " Só em Cristo que temos posssibilidades de fazemos outras escolhas,diferentes daquelas que reina em nosso interior decaído.
Melhor do que comentar aqui, é ler suas respostas aos comentários.Sua personalidade aflora em cada palavra digitada. Parabéns pela sua transparência e sinceridade desta sua personalidade autêntica.
Deus te abençõe.

***Adriana Rocha*** disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
***Adriana Rocha*** disse...

"Só em Cristo que temos posssibilidades de fazermos outras escolhas,diferentes daquelas que reina em nosso interior decaído"

Porque achamos que as escolhas de Jesus são muuuuito diferentes das nossas? Somos tão parecidos com Ele! Você não acredita?
Tudo que Deus planejou pra nossa história vem em direção ao nossos gostos pessoais e com nossos sonhos de felicidade e prosperidade.

Ao meu ver, prosperidade pouco tem a ver com dinheiro, tem mais a ver com sucesso, e sucesso tem a ver com realização (pessoa/profissional), familia e salvação.

Creio que Jesus sempre vai fazer aquilo que eu gosto de forma infinitamente melhor do que eu poderia fazer,inclusive,a satisfação da minha natureza carnal.

PAULO ARIAS disse...

Vejo que o livre arbítrio esta diretamente relacionado com a sabedoria, o saber. "conhecereis a VERDADE e a verdade vos libertará" A VERDADE que liberta é a PALAVRA do Senhor, as boas novas (evangelho).

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons